About Me

25 fevereiro 2019

Livro x Kindle: Quais as diferenças e como me organizo

| |
Livro x Kindle: Quais as diferenças e como me organizo

Recentemente eu recebi, em uma resenha postada aqui, um comentário super fofo da Samanta, do blog Dose de Estrelas. Nesse comentário veio também uma pergunta que várias pessoas me fazem: Leitor digital vale a pena? Por isso, resolvi escrever esse post hoje, para dividir a minha experiência com vocês.

Bom, se você me pergunta qual é a diferença entre ler no livro físico e ler no Kindle, posso te responder: quase nada. Agora, se você quer saber se comprar um leitor digital vale a pena, essa pergunta já é um pouco mais complicada. Acho extremamente difícil dar essa opinião, porque vai do gosto de cada um.

Eu mesma, até uns dois anos atrás, tinha um certo preconceito com leitor digital. Sempre fui uma grande defensora dos livros físicos. Nada substitui a sensação de segurar o livro, folhear, sentir o cheiro de livro novo - sim, sou dessas. Mas, infelizmente, vamos ter que concordar que essas preciosidades, pelo menos aqui no Brasil, estão ficando absurdamente caros. 

Foi então que, em 2017, meu marido me deu um Kindle de presente de aniversário - para quem não sabe, kindle é o leitor digital da Amazon. Meu primeiro e-book lido em e-reader foi The Secret Circle - A Iniciação. Lembro que eu estava ha muito tempo louca para ler esse livro mas não conseguia porque era muito dificil encontrar a versão física, e quando encontrava, era sempre muito cara, ou o frete não compensava. Foi então que descobri, por acaso, o Kindle Unlimited - a Netflix dos livros. E foi aí que a história começou a mudar. Passei a ler mais, e mais rápido. Comecei a tomar gosto pela coisa, e meu leitor digital acabou conquistando seu lugarzinho no meu coração. 

Ter um e-reader pode facilitar muito a vida. Por ser leve e facil de carregar, dá para ler em qualquer lugar. Na parada, no ônibus, nos intervalos das aulas... Sem aquela necessidade de carragar imensos calhamaços na bolsa. A questão custo-benefício também conta, já que tenho encontrado a maioria dos e-books pela metade do preço do livro físico. Sem contar que e-books entram em promoção com uma frequência muito maior.

Não posso dizer que um é melhor do que o outro, porque continuo amando (loucamente) os livros físicos. Mas posso dizer que as duas versões suprem as minhas necessidades.

Como me organizo: Aqueles livros do tipo mais esperados, lançamentos que eu quero desesperadamente ler ou ter em minha coleção (do tipo todas as capas da Darkside Books haha) eu compro na versão fisíca. Os outros milhares de livros que estão na minha wishlist compro a versão e-book e mando ver no kindle!

O fato de ter um leitor digital não significa que você deva parar de comprar livros físicos. Ou vice-versa. Os dois podem conviver em harmonia, cada um com a sua função. rs!

Enfim, independente da forma que você escolher, o importante é ler.


A leitura é o alimento da alma. É descobrir um mundo novo, a cada virar de página. É sorrir, é chorar, é se emocionar. É conhecer o mundo, sem precisar sair do lugar.


E você, o que você prefere? Não deixe de me contar aqui nos comentários!

5 comentários:

  1. Eu sou daquelas que amo o livro, o produto sabe?! Ainda compro, mas confesso que um kindle facilita muito. www.vidadeblogueira.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana!! Eu também, tenho coleção de livros, a última aquisição foi Dracula de Bram Stocker, edição maravilhosa da DarkSide! Não tem experiência melhor do que ter o livro nas mãos né? Mas o Kindle tem me ajudado muito também!!

      Excluir
    2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir