About Me

30 dezembro 2019

Metas 2020: 5 dicas para alcançar suas metas com tranquilidade

| | 0 comentários

Metas 2019: 5 dicas para alcançar suas metas com tranquilidade

Estamos em tempo de refletir sobre o que fizemos no ano que passou e o que queremos mudar nesse ano que incia.  A maioria das pessoas tem o costume de criar metas e traçar objetivos nessa época, mas muitas acabam largando na metade. Isso porque falta planejamento e foco. No post anterior resolvi liberar algumas metas minhas para 2020; e hoje quero compartilhar com vocês algumas dicas para manter o foco e não desistir no meio do caminho.


1 - Escolha metas realistas e tenha seus motivos bem definidos

Procure escolher metas que você sabe que poderá atingir sem precisar fazer um esforço absurdo. Procure se conhecer, se inspire nas suas experiências na hora de definir sua lista. Escolha metas saudáveise seguras. E, muito importante, tenha em mente o por que, o para que e o como você chegara a esse objetivo. Porque eu decidi mudar isso? Para que a mudança é necessária e como fazer isso?

2 - Coloque as metas no papel

Escrever as metas é uma forma de concretiza-las em nossa mente. Podemos ver e agir de forma mais eficaz e servem de estímulo para alcançarmos nossos objetivos. Por isso é interessante fixa-los em um lugar visível, onde possamos conferir todos os dias, servindo de inspiração.

3 - Separe suas metas

Estabelecer prazos de curto, medio e longo prazo é importante. Se você cria uma lista com dez metas e resolve por tudo em prática em janeiro, é bem possível que se sobrecarregue e tenha dificuldades em conclui-la. As chances de frustração nesses casos é grande. Por tanto, estabeleça prazos e seja paciente.

4 - Saiba aceitar as frustrações e transformar isso em algo motivador

Nem sempre as coisas sairão como planejamos. Isso é algo que não podemos evitar. O importante é não desanimar na primeira dificuldade. É necessário saber dosar e readaptar quando necessário. Por exemplo: Minha meta esse ano é ler 36 livros. Mas eu trabalho o dia todo, tenho o blog para atualizar, além de pós graduação e um bebê de três anos para dar atenção. É possível que uma hora ou outra algo me roube o tempo da leitura. E está tudo bem. Vou dar o melhor de mim, mas se não conseguir cumprir essa meta, farei o meu melhor para chegar lá. Precisamos saber lidar com as frustações.

5 - Cuidar do seu corpo e da sua mente

Essa é uma meta que deveria estar na lista de todos (caso você ja não faça isso, claro). Cuidar da mente e do corpo é uma atividade saudável e de extrema importância na hora de cumprir nossas demais metas. Esses cuidados nos trazem foco, equilibrio, força e serenidade para conseguir ir atrás dos nossos objetivos.

É isso aí, pessoal. Esse é o meu planejamento para atingir minhas metas em 2020. Espero que tenham gostado, e que tenha ajudado pelo menos a inspirar vocês. E aí, já definiram suas metas para esse ano que está iniciando? Não deixem de me contar aqui nos comentários!

27 dezembro 2019

11 metas para tornar 2020 um ano incrível

| | 0 comentários


1 - Passar mais tempo com meu filho


Não preciso explicar o porque de repetir essa meta em 2020, certo? Foi a primeira para 2019, e será a primeira deste novo ano, única e exclusivamente porque ele sempre vem em primeiro lugar na minha vida. 2018 foi um ano corrido, então decidi tornar 2019 diferente, passando mais tempo com ele e procurando ser o mais presente possível. E deu certo. Foi um ano com altos e baixos, mas passamos por todos os momentos juntos. E, como eu sei que sempre podemos melhorar, que venha 2020 para que a gente possa se grudar cada vez mais! rs

2 - Manter o nível de leitura em 36 ou mais


Este ano foi muito, mais muito produtivo para mim, principalmente com relação a leitura. Eu andava meio parada, e coloquei como meta para 2019, ler mais. Arrisquei me desafiar a ler 52 livros em um ano, um por semana. E eis que, me superei, e li 100 livros em 2019! Sei que bater essa meta novamente, não vai ser muito fácil, por conta do trabalho novo, produção de conteúdos pro blog e canal (que vai sair), e claro, o mais importante, um nenê lindão pra cuidar. Mas, como a leitura faz parte da minha vida e do meu trabalho, quero, no mínimo, ler 36 livros no ano, 3 por mês.

3 - Criar uma frequência de posts


Eu comentei no post de metas de 2019, o quão importante pra mim é esse cantinho. Ler e escrever são coisas que fazem parte do meu DNA. Me fazem feliz, e por mais que eu tente, eu não consigo simplesmente deixar de lado. Voltar definitivamente com o  blog era uma das minhas metas em 2019. nNão consegui cumprir como gostaria, mas digamos que rolou um 50%. Agora, para 2020, a meta é chegar nos 100%. Criar uma frequência de posts, definir agenda editorial e me aventurar no controle de indicadores (valeu aí, Qualitin!).

4 - Criar conteúdo em vídeos

Eu ando trabalhando essa ideia faz tempo. Em 2019, criar um canal para  o Escriptopia era uma das minhas metas principais. Porém, infelizmente, não consegui atingir esse objetivo, porque criar roteiros, gravar e editar demanda tempo. Com a loucura de fim de faculdade, início de pós, trocar de casa, iniciar um emprego novo e cuidar de um bebê (lindo lindo), o tempo foi ficando escasso. Mas eu acredito (realmente!) que em 2020 as coisas serão melhores, e essa vontade vai acabar se transformando em ação. Já tenho meio caminho andado, com ideias de assuntos e roteiros prontos, então acho que agora a coisa vai!


5 - Realizar pelo menos um projeto fotográfico


Vocês estão cansados de saber que eu amo fotografia, né? Esta foi uma meta para 2019 e será para 2020 também (assim como mais algumas) porque fotografar me faz feliz. Existem milhares de projetos legais rolando pela internet, portanto, escolherei um novo para 2020 e bola pra frente!


6 - Terminar de escrever meu livro


Eu já havia comentado aqui, antes, que ler e escrever é algo que me faz tão, mas tão feliz, que eu cheguei em um ponto que não pude mais segurar, e resolvi me aventurar a escrever minha própria história. Desde que iniciei a escrita de "Como o Destino Quiser", muitas outras ideias legais surgiram na minha cabeça. A maioria delas eu consegui passar pro papel, dei início mas ainda não concluí. Portanto, uma meta (muito importante) para 2020, é organizar essa minha agenda de escrita, e finalizar os projetos em andamento!


7 -  Ler mais livros motivacionais 


Com certeza teve gente aí torcendo o nariz pra essa meta, mas preciso dividir com vocês. Já comentei aqui no blog, como eu tenho adotado uma filosofia de gratidão e positividade na minha vida, e como isso tem me transformado. Grande parte disso tudo se deu ao fato de que, resolvi dar uma chance aos livros motivacionais, em uma época de desespero. Eu estava bem perdida, e resolvi ler O Segredo. Posso dizer que mudou totalmente minha forma de ver algumas coisas. Depois disso, li mais alguns livros, fui acrescentando algumas atividades no meu dia a dia, e passei a me sentir muito melhor depois disso. Por esse motivo, uma das minhas metas para este ano é ler mais livros motivacionais e de desenvolvimento pessoal e, se tivermos que falar em números, poderia fixar uma meta de 12 obras durante um ano.


8 - Transformar The Miracle Morning em rotina


Eu realmente imagino como eu devo soar clichê citando livros de auto ajuda, mas gente, é sério, esse livro foi um boom na minha mente. Como eu já comentei em outros posts, eu tenho plena consciência de que livros motivacionais ou desenvolvimento pessoal, não tem as respostas para os problemas da nossa vida. Nada acontece como num passe de mágica. Mas eles me ajudaram a ver as coisas de outra perspectiva. Praticar os passos do Milagre da Manhã me tornou muito mais positiva e mais produtiva, mas infelizmente, a preguiça ainda é mais forte, algumas vezes. Por esse motivo, resolvi definir isso como uma meta para este novo ano que inicia. Ano novo, novos hábitos.

9 - Levar uma vida mais saudável


Essa é outra meta de 2019 que, infelizmente, não consegui cumprir.  Até tive alguns pontos altos de diminuir o consumo de fast-foods e refrigerantes, por exemplo. Hábitos que, tenho plena consciência, de que não são saudáveis. Mas, por mais que eu tentasse, em algum momento, acabava recaindo e voltando para o que é "rápido e fácil". Porém, sei que, além de me engordar como uma porca, o consumo desses "alimentos" ainda prejudicam minha saúde. E manter minha saúde em dia não é importante só para mim, mas para quem depende de mim também. Tenho um pequeno ser para criar, então, essa meta é uma das principais para 2020. 


10 - Manter a  positividade e a gratidão


Já falei 500 vezes sobre The Miracle Morning, mas esse livro mudou a minha vida em tantos sentidos, que eu não consigo deixar de citar. Neste caso, já comentei sobre as inúmeras vezes que me peguei tendo momentos de reflexão, pensando no tanto de tempo e energia que gastamos reclamando. É assustador. Por isso, vou reafirmar o que disse um ano atrás. Vocês já pararam pra pensar na diferença impactante que teria em nossa vida se, ao invés de reclamarmos o tempo todo, por exemplo, de ter que levantar cedo todos os dias para trabalhar, agradecessemos por termos um trabalho para onde ir todos os dias? Mais uma vez, não estou dizendo que devemos nos acomodar e achar tudo lindo, mas sim, que devemos aprender a dosar as coisas. Acredito muito que a palavra e o pensamento tem poder. Quanto mais nos concentramos em coisas negativas, mais negatividade atrairemos para nossa vida. Foi com essa linha de pensamento que levei 2019. E as coisas mudaram. Ah, e como mudaram. Coisas boas aconteceram. E eu passei a me sentir mais leve, mais livre. Se as ruins ainda acontecem? Sim, claro. Afinal, nada é perfeito. Mas elas já não controlam mais a minha vida. Agora eu converso com o universo. Eu jogo para ele, e ele responde na mesma vibração. E aconselho você a experimentar essa sensação incrível, também.

11 - Inspirar Pessoas

Vou mantes essa meta de 2019, porque ela define o motivo de eu manter esse cantinho aqui na internet. Sei que as metas que coloquei aqui não são um bicho de 7 cabeças, mas em alguns pontos são complicadas para pessoas que, como eu, por exemplo, fazem mil coisas ao mesmo tempo, incluindo cuidar de uma criança. Tenho plena consciência de que esse não é uma privilégio (ou realidade) só meu. Muitas pessoas passam pela mesma situação todos os dias. Então eu espero, de verdade, poder inspirar vocês, meus amigos a, assim como eu, correr atrás do que te faz feliz, e não desistir. Não desanimar. Vai ser difícil, sim, mas vai valer a pena. Se eu conseguir mudar a vida de um pessoa sequer, como eu tenho conseguido transformar a minha, já vou me sentir realizada.

***

É isso ai pessoal, essas são minhas metas principais para 2020. Espero que vocês tenham gostado. E não deixem de me contar se vocês já definiram alguma meta para esse ano, e quais são as mais importantes para vocês!

Boas festas!

25 dezembro 2019

Então, é Natal!

| | 0 comentários
Feliz Natal


Enfim, chegou meu dia mais esperado do ano.

Ah, como eu amo o natal!!

E eu fico numa felicidade só mas, ao mesmo tempo, eu me lembro que, com a chegada dele, temos a partida de mais um ano.

E o que eu poderia dizer desse ano que está indo?

comentei antes, um pouco sobre o que eu aprendi em 2019.

Eu cresci, me desenvolvi, aprendi com meus erros e acertos. Busquei melhorar cada dia mais. Sei que ainda tenho uma longa jornada pela frente, mas só de saber que estou no caminho certo, me dá a motivação necessária para não desistir.

Geral que me conhece sabe que, nessa época do ano, fico pra lá de emotiva. Eu simplesmente amo o Natal. E falo isso sem vergonha, e sem receio de parecer uma criança feliz. E foi exatamente o que eu fiz hoje, durante uma conversa com um amigo muito rabugento.

Para minha surpresa, ao invés de me criticar, ele me perguntou porquê. E aí, eu fui obrigada a me perguntar também. Afinal de contas, por que eu amo o tanto o natal? O que essa data tem de especial?

E, já adianto que, se a sua resposta foi “porque eu adoro ganhar presentes”, você precisa rever seus conceitos. Urgentemente.

O sentido do Natal vai muito além de fazer compras e trocar presentes. Para mim, é um momento de celebrar a vida. De estar com aqueles que são importantes para mim, e espalhar amor. Aprender mais sobre respeito, sobre ser solidário, sobre ser humano.

Natal é tempo de sonhar. De renovar. De acreditar.

Acreditar que todos os sonhos podem se tornar realidade. Porque eles podem mesmo.

Natal é . É esperança

Aí você me pergunta então, o que eu quero de natal?

Eu quero que você acredite.

Acredite no destino e confie em você.

Que neste ano novo a gente sonhe mais.

Que a gente ame mais

Que a gente viva mais, e não apenas sobreviva.

Que em 2020 sejamos felizes, e que façamos alguém feliz, também.

Que possamos fazer o que amamos. Que espalhemos amor, e que essa corrente seja infinita.

Feliz Natal, Feliz Ano Novo e Boas Festas!

23 dezembro 2019

Dicas na Netflix: 5 lançamentos para você assistir no natal

| | 0 comentários
Lançamentos da Netflix


Quem me conhece sabe que eu amo o Natal. Pra mim, é a melhor época do ano.

E, se tem uma coisa que eu adoro, é entrar no clima decorando a casa, enchendo tudo de luzinhas e bolinhas.

Obviamente que os filmes natalinos não passam despercebidos por mim.

Já começo minhas maratonas em novembro, pra ir entrando no clima. E costumo alternar entre lançamentos da Netflix e filmes clássicos.

Esse ano, a Netflix se superou nos lançamentos, com filmes muito muito fofos, clichês e românticos, no melhor estilo natalino, do jeitinho que eu gosto.

Foi pensando nisso que eu resolvi criar esse post, e dividir com vocês, 5 dicas de filmes que foram lançados esse ano, e que eu amei de paixão!

Um passado de presente (Vanessa Hudgens e Josh Whitehouse)

Depois que uma feiticeira transporta o cavaleiro medieval, Sir Cole, para a época atual, em Ohio, durante as festas de fim de ano, ele faz amizade com Brooke, uma professora de ciências, inteligente e gentil, que está desiludida pelo amor. Brooke ajuda Sir Cole a navegar no mundo moderno, e tenta ajudá-lo a descobrir como cumprir sua misteriosa e verdadeira missão - o único ato que o levará de volta para casa. Mas, à medida que ele e Brooke se aproximam, Sir Cole começa a se perguntar se realmente quer voltar à sua antiga vida.



Klaus (Jason Schwartzman, Rashida Jones e  J.K. Simmons)


Em Smeerensburg, remota ilha localizada acima do círculo do Ártico, Jesper é um estudante da Academia Postal, que enfrenta um sério problema: os habitantes da cidade brigam  o tempo todo, sem demonstrar o menor interesse por cartas. Prestes a desistir da profissão, ele encontra apoio na professora Alva e no misterioso carpinteiro Klaus, que vive sozinho em sua casa repleta de brinquedos feitos a mão.



O Príncipe do Natal: O bebê real (Rose McIver e Ben Lamb)


Aldovia está em clima de Natal, enquanto a Rainha Amber e o Rei Richard se preparam para tirar um tempo para si e cuidar do seu primeiro filho, que está para nascer. Porém, primeiro eles precisam renovar um sagrado tratado de paz com o reino da Penglia. Quando uma tempestade de neve atinge o castelo na véspera de Natal, e o tratado desaparece, o casal real precisa encontrar o ladrão para garantir a segurança de sua família e seus súditos.



O Natal está no ar (Romany Malco) 


O pai solteiro e DJ de r´dio, Rashon "Rush" Williams, perde o emprego enquanto seus quatro filhos têm caríssimas exigências nas listas de presentes de Natal. Para ajudar Rush, seu produtor e tia planejam ajudá-lo a comprar outra estação, tendo como única condição, a redução de gastos desnecessários da família Williams. Nessa jornada, um pai amoroso se reconecta com seus filhos, quando todos aprendem que a verdadeira alegria vem de quem você tem, não do que você tem.


O Natal da Cinderela (Laura Marano e Gregg Sulkin)


Kat é uma joem aspirante a cantora, cujos sonhos sempre são esnobados pela cruel madrasta e meia-irmãs fúteis. Trabalhando como elfa hna feira natalina, ela se encanta pelo belo Nick, novo Papai Noel da festa. Quando é convidada para um elegante baile que pode ser sua chance de sucesso, a protagonista é vítima da inveja da família, mas contará com o apoio da melhor amiga, Isla, para comparecer ao evento.




DICA BÔNUS: Um presentinho de natal 


Merry Happy Whatever (Dennis Quaid)

Série de natal, original da Netflix, estrelada pelo ator Dennis Quaid. A primeira temporada, criada por Tucker Cawley, foi lançada com 8 episódios e conta ainda com Bridgit Mendler, Brent Morin, Ashley Tisdale, Adam ROse, Hayes MacArthur e Siobhan Murphy no elenco.

Nesta sitcom, acompanhamos a história de Don Quinn, um típico pai de família que, enquanto tenta manter o equilíbrio e entre as necessidades dos familiares, se esforça para organizar as festas de fim de ano. No meio dessa confusão, a filha caçula, Emmy, chega acompanhada de seu novo namorado, tornando as coisas ainda mais complicadas.



E então, pessoal, gostaram das dicas? Já assistiram ou tem vontade de assistir algum dos filmes citados? 

20 dezembro 2019

Resenha: Quando o amor bater à sua porta - Samantha Holtz

| | 3 comentários
Resenha: Quando o amor bater à sua porta - Samantha Holtz

E aí, galera, tudo certo?

Esse post saiu com um bom tempo de atraso, mas enfim, chegou! rs O livro da resenha de hoje foi cedido pela Editora Arqueiro (obrigada, Arqueiro!) e deveria ter sido publicado há bastante tempo, mas como na época eu estava no final da gravidez, acabei não conseguindo dar conta do cronograma. Porém hoje, com um bebê lindão e já mais crescido, estou começando a me reorganizar, e estou muito feliz de estar conseguindo voltar a ler e escrever. Então, por favor, não me julguem mas teremos aqui algumas resenhas de livros mais antigos pois quero recuperar o tempo perdido.


"As nuvens estavam paradas. Tão paradas que, por um libertador instante, desconfiei que eu havia morrido. Até que elas se moveram…ou foi meu olhar sobre elas que havia mudado?”


Imagine a seguinte situação: Você é uma escritora de sucesso e está no processo de escrita do seu próximo livro, que está te dando um certo trabalho para encontrar o final perfeito. Nesse meio tempo, um estranho desmemoriado bate à sua porta dizendo ter uma reunião com você, na esperança de que você possa dizer quem ele é. Como se isso já não fosse o bastante, esse misterioso desconhecido afirma que a única informação que sabe sobre ele mesmo é que se chama Luiz Otávio, exatamente o nome do Herói do seu próximo livro. 


Ele tem um passado do qual não se lembra. Ela precisa esquecer o seu.

É dentro desse cenário que conhecemos Malu Rocha, uma famosa escritora de 29 anos que vem encontrando dificuldades para terminar seu novo romance. Forte, decidida e bem sucedida, Malu leva uma vida regrada que inclui em sua rotina pedalar, escrever e visitar  - em uma casa de repouso - o  avô, Sargento Ignacio, com quem nutre uma linda relação de amor e cumplicidade. 

Luiz Otávio Veronezzi sofreu um acidente de carro e perdeu todos os documentos - além da memória - e sua única pista para descobrir quem ele é, é um pedaço de papel que encontrou em seu bolso com seu nome e uma reunião agendada com Malu, que para seu desespero, não recorda de ter agendado nada com ele. Para completar a situação, Rebeca, a acessora da escritora, teve o computador formatado recentemente perdendo todos os dados de e-mails e reuniões agendadas dos últimos tempos, o que tirou o último fio de esperança de Luiz Otávio. No início, o primeiro impulso de Malu foi o de dispensar o misterioso estranho que bateu  à sua porta sem aviso prévio, mas sentindo-se responsável por Luiz e o que aconteceu com ele, a escritora resolve tentar ajudar.


"O infinito não pertence ao futuro; ele pertence ao presente.

Quando o amor bater à sua porta é um daqueles romances arrebatadores que, ao final, dá aquele quentinho no coração, e uma vontade incrível de continuar acompanhando aqueles personagens para saber o que vem depois. Não vejo outra maneira de descrever minha experiência com essa história.

Esse foi meu primeiro livro da autora Samanta Holtz, e eu vou confessar que, no início, achei meio estranho. Com certeza concordo com todas as resenhas que li dos livros dela, dizendo que ela tem uma narrativa marcante. Como não estou muito acostumada, demorei um pouquinho (uns 3 capítulos, para ser mais precisa) para me acostumar e entrar mesmo na história, mas depois que começou a fluir, praticamente devorei o livro.

Este, definitivamente, não é apenas um romance que fala sobre um "relacionamento", é um livro que traz uma história real, com personagens reais, que faz a gente se identificar, rir, chorar e torcer por eles. Fala sobre superação, perdas e auto-conhecimento. Sobre se reencontrar. Malu é uma personagem incrível, forte e ao mesmo tempo frágil. A rosa por trás da Rocha. É muito bom ver o crescimento  e a evolução dela ao longo do livro, como ela passa a ver a vida de maneira diferente, e como, aos poucos, ela vai se curando de todos os traumas do passado conturbado dela.

Luiz Otávio é um personagem fofo, positivo, sempre sorrindo, sempre com uma resposta na ponta da língua, e que vai fazer todo o sentido para o que está acontecendo no momento. É sincero e dedicado e não poupa esforços para a ajudar quem estiver por perto, no caso, Malu, é claro.

O livro é narrado em terceira pessoa, mas a autora descreve tudo tão bem e de forma única, que nos possibilita ficar tão próximo dos personagens que chega uma hora que já não dá mais pra saber se a narrativa é em terceira ou em primeira pessoa. Um romance leve com um enredo bem construído. Sem dúvidas indico esse livro, claro, para quem curte o gênero.

E vocês, já leram algum livro da Samanta Holtz? O que acharam? Não deixe de me contar aqui nos comentários!